Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
 
O Laboratório Vital Brasil oferece o resultado de seus exames online. O resultado fica disponível no site por 90 dias. Após esse período entrar em contato com o SAC pelo 0800 772 45 43
Selecione o seu tipo abaixo para visualizá-lo.


Para visualizar os resultados é necessário ter o Adobe Reader. Caso você não possua clique para baixá-lo.
 

1 - Após coletar a urina, em quanto tempo devo levá-la para o Laboratório?
          
A urina deve ser entregue no prazo máximo de 2 horas após a coleta. Sempre deve ser a 1ª urina da manhã.

MULHERES:
Na véspera da coleta não use medicamentos nos órgãos genitais;
Lave e enxágüe cuidadosamente os órgãos genitais para evitar que a urina, no momento da micção, se misture com a secreção vaginal;
Comece a urinar, despreze a primeira porção da urina deixando-a cair no vaso sanitário e receba o jato de urina no frasco, tentado enchê-lo inteiramente;

HOMENS:
Na véspera da coleta não use medicamentos nos órgãos;
Lave cuidadosamente o órgão genital retraindo o prepúcio, despreze o 1º jato e colha o jato médio de urina em frasco próprio.

CRIANÇAS - VIA COLETOR, deve se observar:
- o cliente deve permanecer no laboratório, de preferência;
- se houver evacuação durante a coleta, a higiene deve ser repetida e novo coletor colocado,
- exames com coletor infantil, coletados em casa, somente deve ser aceitos sob monitoramento de especialistas.
- a cada hora a higiene deve ser refeita e coletor trocado.

2 - Quais os prazos de entrega dos exames?

O prazo para a liberação do resultado varia de acordo com o tempo necessário para análise do exame. Para obter informações sobre o prazo de entrega do exame solicitado pelo seu médico, entre em contato com a Central de Atendimento do Laboratório: 0800 772 4543.

3 - Qual o preparo do PSA?
O cliente precisa atender às seguintes condições:

  • não ter ejaculado nas últimas 48 horas;
  • não ter feito exercício em bicicleta (ergométrica ou não) nos últimos dois dias;
  • não ter andado de motocicleta nos últimos dois dias;
  • não ter praticado equitação nos últimos dois dias;
  • não ter usado supositório nos últimos três dias;
  • não ter recebido sondagem uretral ou feito exame de toque retal nos últimos três dias;
  • não ter feito cistoscopia nos últimos cinco dias;
  • não ter realizado ultra-sonografia transretal nos últimos sete dias;
  • não ter feito colonoscopia ou retossigmoidoscopia nos últimos 15 dias;
  • não ter realizado estudo urodinâmico nos últimos 21 dias;

não ter feito biópsia de próstata nos últimos 30 dias.

4 - Qual o período de jejum para a realização dos exames? Exame de sangue tem que ser sempre em jejum?  E a água quebra o jejum?

O período de jejum varia de acordo com o exame solicitado pelo médico. O hemograma simples, por exemplo, dispensa o jejum. Já glicemia e triglicérides exigem que você fique várias horas sem comer. O melhor é você entrar em contato com o Laboratório e verificar o tempo de jejum indicado para o seu exame. A água não quebra o jeujum. Mas convém tomá-la com moderação. O excesso interfere nos exames de urina.


5 - Esforço físico atrapalha os exames laboratoriais?
Alguns, sim. Por exemplo, os de glicemia e dosagem de fator VIII de coagulação. Tanto que, antes de fazê-los, você não pode ter se submetido a qualquer esforço físico. Além disso, lembre-se: os exames laboratoriais são padronizados para a realização em condições ideais, bem definidas. É o que os médicos chamam de condições basais. Em conseqüência, testes feitos após esforços terão eventualmente valores diferentes dos que você tem.


7 - Dói colher sangue para exame?
Normalmente, não, pois o procedimento dura segundos. Porém, isso vai depender da sensibilidade de cada paciente e da obediência do mesmo as indicações do profissional de coleta para não haver dor nem hematomas.


8 - Por que quando se tira sangue para exame, às vezes o local fica roxo?
Isso chama-se hematoma: extravasamento de sangue para fora da veia. Ele pode ocorrer em determinadas situações, tais como: veias finas, delicadas, com muita pressão; falta de boa compressão no local de punção; e paciente usando algum medicamento que altera a coagulação. Porém, alguns hematomas acontecem por falhas cometidas pelo próprio paciente que não obedece às instruções do enfermeiro para que o braço não fique com hematoma.


9- Para fazer o exame Pós-Prandial, devo contar duas horas antes ou após a refeição?

  •  Conforme orientação médica  ao iniciar a alimentação, marcar o horário, aguardar 2 horas, a partir do início da refeição e retornar para colher o exame (chegar ao laboratório 10 minutos antes da coleta).
  •  O paciente pode ingerir água neste período.
  •  Se ingerir sobremesa, fazê-lo logo após alimentação.
  •  A coleta deverá ser feita no mesmo dia da glicose em jejum.
  •  Neste intervalo de 2 horas não poderá ingerir: balas, mascar chicletes, tomar café, chá, suco, sorvete, etc.

 O teste poderá ser colhido após refeição, de preferência uma refeição habitual do cliente.


10 - E bebidas alcoólicas podem alterar resultados de exames?
Sim, especialmente o de triglicérides. Uma dose de uísque, uma cerveja ou um copo de vinho na véspera é suficiente para elevar os seus níveis, falseando os resultados. Por isso, o ideal é, antes do exame, ficar três dias sem ingerir qualquer bebida alcóolica. Importante: o álcool também altera o colesterol, mas pouco.


11 - A alimentação também interfere nos resultados de colesterol e triglicérides?
Sim, mas principalmente no de triglicérides. Por exemplo, uma pessoa com triglicérides elevados e que adota uma dieta rígida na véspera do exame terá um resultado falsamente baixo. Já alguém com triglicérides normais, mas que come uma feijoada no dia anterior, apresentará resultado falsamente alto.


12 - Pode-se fazer exame de sangue com gripe, resfriado ou febre?

Sim. Alguns exames, aliás, são solicitados exatamente porque a pessoa está com febre. A intenção é verificar se alguma infecção é a responsável. Porém, em algumas circunstância, a doença responsável pela febre pode interferir nos exames destinados a avaliar aspectos matabólicos e imunológicos. Por cautela, conseqüentemente, consulte o seu médico ou o laboratório antes de fazer o exame.


13. Menstruação interfere nos exames?
Sim, por exemplo, no de urina. Por isso o ideal é fazê-lo fora do período menstrual. Mas, se for urgente, a urina pode ser colhida sem problemas, adotando-se dois cuidados: assepsia na hora do exame e o uso de tampão vaginal para o sangue menstrual não se misturar à urina.


14 - Qual a orientação para coleta múltipla de fezes com MIF?

  • Coletar 3 amostras de fezes de dias diferentes no pote com conservante fornecido pelo laboratório.
  • Pegar uma pequena quantia de cada amostra para que não ultrapasse o volume do líquido, ou seja, as amostras devem ficar imersas no líquido.
  • Conservar o pote em local fresco, arejado e protegido da luz, não sendo necessário conservar em geladeira.

Após a 1ª coleta o conservante tem validade de 5 dias.


15 - Como é feito o pagamento de procedimentos cuja coleta do material foi feita fora do Laboratório?
Simples. Em alguns casos, como as biopsias, que são feitas em hospitais e os exames de papa nicolaou, feitos pelo médico ginecologistas, você deve assinar a guia do seu convenio antes de sair do local onde fez a coleta. No caso de clientes de atendimento particular (sem convenio), o paciente deve comparecer ao Laboratório Médico Vital Brasil e acertar o valor da análise do exame, uma vez que no hospital ou no consultório médico, você realizou o pagamento da coleta do material. Ao Laboratório, você pagará a análise do mesmo. 


16 – O Laboratório possui atendimento especial para crianças?
Sim. O Laboratório oferece uma unidade infantil especialmente criada pra as crianças, onde os profissionais e a infra-estrutura foram pensados exclusivamente para os pequenos.

© 2010 - Laboratório Médico Vital Brasil